sexta-feira, 31 de julho de 2009

Debater é preciso é preciso!!!


Da esquerda para a direita: Rafael Guedes, Astridi Nic, Renato Prieto, eu, Baltazar Salgado, Fernando Pereira e Creuza de Lacerda no estúdio " geladão " Tupi.

quarta-feira, 29 de julho de 2009

SEMPRE GOSTEI DOS LIVROS...

Confesso um verdadeiro fascínio por aqueles livros que contam histórias (romances) ou biografias, poesias, pelos livros espíritas, de comportamento humano, os budistas e similares e, eventualmente, um ou outro do que quer que seja, inclusive alguns de autoajuda.
É sobre estes que quero falar.
Há uma diferença em você ser um ser pensante que, às vezes, um ou outro possa lhe chamar de intelectual e aqueles que se têm como "intelectuais" e, por isso mesmo, torcem o nariz para os chamados livros de autoajuda, até porque tem muita coisa ruim mesmo.
Tem.
Mas não são todos.
O bom leitor é aquele que pesquisa e não pode ter (ou pelo menos não deveria ter) preconceito contra esse ou aquele gênero.
Como diz um jornalista amigo meu, mesmo nos piores livros você vai encontrar uma ou outra frase que valha a pena a compra do mesmo...
Assim sendo, todos devem ser lidos, pesquisados e repensados.
A atitude radical de "não li e não gostei", ainda que seja por gênero, diminui a expansão dos conhecimentos que poderiam ser adquiridos pelo leitor.
Isso não quer dizer que você tenha de sair por aí lendo até bula de remédio...
Mas, aponta para o não preconceito.
Tem gente que só aceita livros consagrados e principalmente se for de autor estrangeiro, renomado e... morto.
Assim sendo, tome de Teillard de Chardin; Feline; Simone de Beauvoir e, claro, Jean-Paul Sartre, etc.
Tudo bem, eles têm seu valor ainda que depois de mortos...mas, são chics!!!
Quando adolescente, adorava um livro desses para desfilar; carregando-os de forma que os outros vissem quem eu estava lendo...rsrsrs
Coisa que dá e passa!
Não pra todos.
Hoje, tem muito adulto por aí, se comportando assim: Só usam roupa de marca; só vão ao cinema se for "cult" e só lêm livros " estranjas"...livro brasileiro, quem sabe um "Budapeste" do Chico Buarque?! E olha lá...
Aliás, tá explicado por que a Glória Perez virou embaixadora da Índia na sua última novela: Alguns brasileiros adoram dizer que a terra do outro é melhor! Os livros também!
Sinceramente, estão precisando de uma autoajudazinha...

segunda-feira, 27 de julho de 2009

A RESPEITO DO ACIDENTE COM FELIPE MASSA...

FIZ ONTEM, NA SUPER MADRUGADA TUPI, O SEGUINTE COMENTÁRIO: " ...SE ESSE TIPO DE COISA ACONTECE NUMA DAS SUPER PROTEGIDAS PISTAS DE CORRIDA DA FÓRMULA UM, O QUE NÃO PODE OCORRER NAS RUAS ESBURACADAS E MAL CONSERVADAS DO RIO DE JANEIRO"?!
DIGO ISSO PORQUE ACHO QUE TODOS TEMOS DE ASSUMIR QUE TEM MUITO MAU MOTORISTA (ASSIM MESMO, COM "U") NAS NOSSAS RUAS, BOTANDO EM RISCO A VIDA DE TODO MUNDO.
E O QUE PIOR:... SE ACHAM! D
IRIGEM EM ALTA VELOCIDADE, CORTAM PELA DIREITA, NÃO RESPEITAM A SINALIZAÇÃO ALÉM DE USAR A BUZINA EXCESSIVAMENTE A QUALQUER HORA.
CADÊ A FISCALIZAÇÃO?!
DEPOIS DA HORA DO RUSH SOMEM TODOS OS GUARDAS DE TRÂNSITO; SENDO QUE EM DETERMINADOS LUGARES NUNCA ESTÃO.
REZEMOS PARA QUE O FELIPE MASSA SAIA DESSA, MAS PERCEBAMOS QUE SE ACIDENTES PODEM ACONTECER ATÉ COM ELE QUE TEVE À DISPOSIÇÃO UMA EQUIPE MÉDICA DE PRIMEIROS SOCORROS DA MAIOR QUALIDADE E ATÉ UM HELICÓPTERO PARA LEVÁ-LO AO HOSPITAL E AINDA ASSIM, INFELIZMENTE, SE ENCONTRA NUM GRAVE ESTADO...QUANDO SERÁ QUE AS NOSSAS AUTORIDADES IRÃO SAIR DO DISCURSO E "PEGAR PESADO" CONTRA ESSES MAUS MOTORISTAS QUE, ARRISCANDO A VIDA DE TODOS, AINDA ESTÃO SOLTOS POR AÍ?!!!

domingo, 26 de julho de 2009

O Vasco deu mole e o Flamengo teve sorte ...

Futebol tem dessas coisas.
Ontem, quando liguei a tv e o Vasco vencia o jogo por 1 a zero, quase na metade do segundo tempo, ouvi o narrador dizer que após o primeiro gol, o Vasco dominava e o Bahia estava desorganizado em campo.
Lembro que pensei que era cêdo pra ele dizer isso; até porque a vantagem era mínima e jogávamos no campo do adversário.
Aos poucos, vi o Vasco se encolhendo e cedendo espaço para o Bahia que por fim, virou o jogo (2 x 1).
Paciência!
O time do Vasco ainda é jovem, tem muitas chances de se classificar entre os quatro que irão para a primeira divisão, tem um bom técnico, mas tem de melhorar muito; caso queira ganhar o campeonato.
Não dá pra fazer um gol e recuar.
Fora isso, de nada adianta acertar a trave se a bola não entra.
Com a palavra, o bom técnico Dorival Junior.
Já o Flamengo, estava perdendo o jogo mas jogando melhor; aliás, coisa que também ocorreu com o Vasco na segundona.
O Santos cometeu o mesmo erro da Vasco: Fez o primeiro gol e andou atacando timidamente e se descuidando da defesa.
Foi quando já no segundo tempo cedeu o empate.
Aos 42 minuto do segundo tempo, quando todo mundo pensava no empate, não é que um cruzamento rasteiro na pequena área foi suficiente para o zagueiro do Santos interceptar...para dentro do seu próprio gol e acabar com invencibilidade do Santos diante do Flamengo em seu próprio campo?!
Sorte do Flamengo mas ninguém pode dizer que não houve mérito do time rubronegro que tentou sempre.
Emocionante mesmo foi ver o veterano Andrade (técnico interino do Flamengo) dedicar a vitória ao ex-goleiro do Flamengo , Zé Carlos , falecido precocemente aos 48 anos na semana passada.
Apesar de Vascaíno, fui fã de Zé Carlos como sou fã de todos os grandes jogadores, independentemente do clube que atuem.
Isso porque, subconscienemente, nós torcedores achamos que os jogadores são heróis que são capazes de driblar todas as dificuldades da vida...
Ledo engano: Somos todos iguais!
Heróis conhecidos e heróis anônimos.
Ou, como dizia a minha saudosa avô, D. julia,
" cada um com seu sorvete ou cada um com sua cruz..." depende da hora...

sábado, 25 de julho de 2009

Tem coisa melhor do que poder ajudar?


A foto mostra um momento muito feliz, ano passado, quando doei meus direitos de imagem ao lado de outros artistas para a campanha de natal da LBV do querido professor Paiva Netto.
As crianças da LBV nos recebram com muito carinho. Foi emocionante!

O futebol imita a vida...

Aqueles que não gostam de futebol são os primeiros a afirmar que não se deve perder tempo com essa paixão clubístico-esportiva.
Respeito essa opinião, mas não concordo.
Acho que o futebol (no meu caso, no meu caso, torcendo pelo Vasco da Gama...) ajuda você a ter uma cara, uma posição e (por que não?) uma paixão.
Assim é com quem é flamenguista, tricolor, botafoguense, etc.
E assim é no mundo inteiro, mesmo com aqueles que preferindo outros esportes, como o basquete, futebol americano, vôlei, etc. , se autodefinem como torcedores deste ou daquele clube...
Fazer parte de uma torcida torna-se uma prazer a mais na vida e, de uma certa forma, durante o tempo de uma partida, vira uma forma de voltar aos tempos de criança onde o lúdico se tornava mais importante do que a realidade.
Nesse tempo mágico, o torcedor xinga o juiz, puxa a orelha do técnico e dos seus jogadores e quase tem um orgasmo coletivo na hora do gol.
Durante os 90 minutos, parece que o resto do mundo parou: nada de dívidas, nada de problemas, nada de doenças.
Só brincadeira levada a sério!
Apenas a lamentar que alguns malfeitores confundam tudo e acabam apelando para a violência. Isso, no entanto, é caso de polícia, que deveria prendê-los e mais, bani-los dos estádios.
O verdadeiro torcedor ri, chora, abraça o torcedor ao lado e se emociona com o seu clube, mas sabe que rivalidade não quer dizer inimizade.
Ganhando, sai por aí gozando os seus amigos torcedores de outros times.
Perdendo, meio que sem graça, sorriso amarelo, aceita as gozações.
Fazer o quê?!
Não tenho dúvidas: o futebol, a exemplo de outro esportes, imita a vida naquilo que ela tem de melhor: a confraternização em torno de um só objetivo.
É por isso que sempre digo, independetemente de você ser Vasco ou não: O sentimento não pode parar!

sexta-feira, 24 de julho de 2009

José Alencar...esse herói brasileiro!

Cá pra nós: Pouca gente é capaz de enfrentar uma doença tão invasiva quanto o câncer, como o nosso Vice-Presidente, José Alencar.
No momento em que estou escrevendo essas linhas, José Alencar está sendo operado pela décima-quinta vez em São Paulo.
Os médicos, cansados de tanto tirar tumores de Alencar, resolveram fazer uma colostomia, ou seja, retirar um pedaço maior do intestino dele e, com isso, eliminar de uma só vez os vários tumores que ali estão.
É operação de mais de dez horas...
Ainda ontem, antes das dores que sentiria mais tarde e com o sorriso de sempre, Alencar admitia " Ganhei uma batalha, mas a guerra continua...".
Menos de 4 horas depois e com muitas dores no estômago, José Alencar voltaria para essa nova operação.
Agora, 21 horas de sexta-feira,23, estou sabendo que a colostomia foi um sucesso e que José Alencar terá de usar, doravante, uma bolsa externa coletora de fezes além de ficar internado por mais uma semana.
Esse grande homem nos faz refletir sobre aqueles que, por muito menos, reclamam da vida e do seu país.
Não duvido que consigo mesmo, Alencar tenha momentos de abatimento no intervalo das dores as quais está submetido.
Todavia, publicamente, José Alencar, ainda que sabendo da gravidade da sua doença, sempre nos mostra o seu belo sorriso e nos brinda com palavras de otimismo, fé e persistência na luta pessoal que está travando contra a doença.
Que belo homem é esse nosso vice-presidente.
Queira Deus que ele possa superar tudo isso e que nós o tenhamos com saude, por muitos e muitos anos...

quinta-feira, 23 de julho de 2009

O RÁDIO ESTÁ RENASCENDO NAS NOVAS OPÇÕES!


Verdade!
Afinal, sabe Deus por quê nascemos vocacionados para a comunicação e aí, o que pintar na área, a gente vai fazendo NO RÁDIO.
Outro dia, conversávamos lá na TUPI à respeito do futuro do rádio.
E o Ricardo Henrique, nosso diretor artístico, saiu com essa: " O rádio será cada vez mais conteúdo..."; aludindo ao fato de que, cada vez mais, esse veículo estará se tornando multimídia.
Basta ouvir (e ver!) a Super Rádio Tupi.
Começamos em AM (1280 no dial) há mais de 70 anos, chegamos à INTERNET e, hoje, também estamos no FM (96,5).
Na internet ( TUPI . AM ou TUPI . FM) temos até a imagem do comunicador, do operador e dos nossos convidados na tela do computador...
Com o FM também estamos em todos os celulares e os MPs da vida...
Não há dúvida de que o rádio deixa de ser velho para renascer nas várias mídias.
É por isso que, sem dúvida, não só concordo com o Ricardo; como também acho que a pioneira entrada de uma rádio popular como a Tupi no FM, já está marcando uma nova fase na comunicação brasileira...

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Muita gente preocupada com essa Nova Gripe...

E com razão, afinal, somente de pouco tempo pra cá, o Ministério da Saúde está dispondo mais informações ao povo. Hoje, pela manhã, como milhares de telespectadores, vi a entrevista do Ministro Temporão na tv, que tentou, na medida do possível, tranquilizar a população...Disse que a gripe comum e conhecida, em julho do ano passado, fez mais de 4 mil vítimas que morreram por complicações derivadas...Faltou complementar que essa Nova Gripe fez neste mesmo mês de julho, este ano, tão somente 21 óbitos. Bem menos, portanto.
Ora: óbito é óbito e, convenhamos, é coisa que ninguém quer.
O problema é que para primeira, tem vacina e para a segunda, ainda estão pesquisando e provavelmente só o ano que vem teremos ( se tivermos!) uma.
Assim sendo, porque somente agora o ministro está disponibilizando 50 mil kitd tratamento, qualquer tossizinha e o pessoal tá se mandando para os postos de saúde. O ministro, com uma bela gravata novinha em folha (Isso me deixa algo intranquilo...não sei porquê e me vem à cabeça " perco a guerra mas não perco a pôse...será?), perguntado pelos sintomas, deu uma volta grande para explicar que o vírus não está circulando no ar, mas apenas nas gotículas de um espirro e, por isso mesmo, quem espirrar ou tossir, deve levar um lenço à boca...( E depois de usado, lavá-lo, acrescento eu!). Disse mais: Só quem deve procurar o médico é quem tenha febre recorrente acima de 38 graus + tosse + falta de ar. Tendo essas três coisas, vuuupt para o atendimento médico mais próximo. Aqui no Rio, a secretaría municipal de saude está contratando pessoal e admite que precisa de mais gente! Só agora? As tendas da Defesa Civil estão esclarecendo a população, afinal. Antes tarde do que nunca! E mais um detalhe: Só agora eles estão recomendando para que evitemos recintos fechados e com muita gente! Sendo assim, por que não fazer atendimentos em médicos em tendas ao ar livre?!! É que continuam atendendo possíveis infectados nas salas fechadas de hospitais...Vá entender essa gente!

terça-feira, 21 de julho de 2009

Comemorando o " Dia dos Amigos"


Eu e o querido amigo e apresentador do Giro Esportivo da Tupi (22h à meia-noite), Wagner Menezes. Ele também faz parte do Talk Show do Manoel & Juaquim do Recreio " Papo de primeira na segunda". Brevemente estarei lá, papeando com incrível Ivan Lins. Através do esporte, Waguinho conheceu 42 países...até agora!

H1N1....

A Secretaria Municipal de Saúde quer contratar emergencialmente pessoal da saúde, numa admissão clara de que não possui médicos e enfermeiros suficientes para o atendimento à população... Como é que pode?! Basta a gente ver qualquer desses programas político-partidários (qualquer um deles!) que vamos constatar que TODOS OS PARTIDOS falam nas seguintes prioridades: SAÚDE, EDUCAÇÃO E MORADIA!
Que coisa, né?! Uma vez essa gente no poder, é preciso a ameaça de uma doença para que constatem que não existe pessoal suficiente na saúde. Valha-me Deus!

Nova gripe, suína,h1n1 ou o quê?!

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Numa foto dessas e eu dormindo...



Francamente! Aqui estão quatro dos cinco filhos.O que faltou, o fêz por uma boa causa: Tava namorando...

Essa aí é a jornalista Aline Raibolt que foi minha produtora durante dois anos e vive, hoje, na Noruega. A foto é do dia 13/06/09 quando ela realizou o seu sonho. Após paquerar o norueguês, gente boa, Ivan Berquist na web por alguns meses, o rapaz ficou tão apaixonado que passou um ano no Brasil só para conhecê-la e pedir a sua mão em casamento. Não deu outra: Aline casou no civil e religioso e mora hoje em Oslo. Uma competente profissional e querida amiga.
Fala sério: Não parece um conto de fadas?!!!

Tá pensando que produzir é fácil?! rsrsrs


Pode não ser fácil mas é alegre, a julgar pelo sorriso na nossa competente produtora, Paula Ranieiri, que nas horas vagas é também assessora de imprensa e adoro carnaval.
Ela chega na rádio às 21 h e só sai às três da manhã, diáriamente.
Ou seja: Trabalhar em rádio é definitivamente pra quem gosta...

Na rádio, minutos antes do programa...

Coisa do mundo de hoje: De olho na web até no celular. Vida de radialista...

Meu blog está às suas ordens...

Afinal, este blog é que nem coração de mãe: sempre cabe mais um. Fala sério, gente, quanto mais eu trato de dente, mais eu admiro a profissão da Kátia, minha dentista.
Afinal de contas, tem que estar sempre sorrindo pra quem tá sentido dor...rsrsrs.
Há duas semanas, amanheci com a cara inchada. Fui lá e descobri que era uma cárie escondida num dente lá de trás; daqueles que a gente nem acha que tem. Depois da radiografia, tome de antibiótico e a volta no consultório com o rosto desinchado, duas semanas depois...Pensa que terminou?! Eu pensei...rsrsrs. Nada! Aí foi que tomei...(êta verbo perigoso)aquele motor chato e penetrante (!), pô! Uma semana mais tarde, hoje,20/07 de manhã, lá foi a Dra. Kátia "entrar no marcador", ou melhor, entrar no meu dente com aquelas agulhinhas empurradas pra cima e pra baixo e eu, pobre mortal, ainda com aquele duto sugando a minha saliva! Boca sêca,sendo penetrado várias vezes por uma agulha e...40 minutos depois , tendo o buraco tapado temporáriamente. De resto, passei om dia na base do ai, ui...Pelo sim, pelo não, o programa de logo mais será feito pelo meu amigo e grande comunicador, Garcia Duarte.
Agradeço ao Marquinho, meu diretor, a providência. Amanhã devo voltar a apresentar o programa e na sexta-feira, volto à minha dentista na esperança de que não precise mais levar agulhadas....E dizer que tem gente que gosta...rsrsrs

domingo, 19 de julho de 2009

UMA VEZ FAMÍLIA...

De sábado pra domingo, aproveitando a minha folga, fui a Niterói (Itaipu )na casa da minha cunhada, Vera, viúva de meu saudosos irmão, Célio.
É que minha sobrinha Monique formou-se em Direito e resolveu dar uma recepção para amigos e parentes.
Fomos, eu e Samira, minha mulher, e passamos horas muito agradáveis.
Estou no Rio de Janeiro há 37 anos; o que vale dizer que, mesmo vez por outra, tendo voltado às origens (Juiz de Fora - MG), nem sempre pude rever todos os amigos que lá deixei.
Pois bem: Ontem tive a oportunidade de ver gente que não via, alguns há mais de vinte anos!
Aí, é inevitável da gente pensar " Como o tempo passa rapido...".
Verdade!
Mas, como foi bom! Rever pessoas queridas nos remonta ao passado e, muitas vezes, nos conduzem ao frescor da nossa adolescência. Nessas horas a gente tambem vê que, uma vez amigo, sempre amigo e, melhor, uma vez família, sempre família.

sexta-feira, 17 de julho de 2009

No estúdio da maior rádio do Brasil!

Dia desses, amigos queridos que participavam da nossa Sala de Visitas, os debates do programa do Fernando Sérgio, a Super Madrugada Tupi, de meia-noite às três da manhã, de segunda a sábado, todas as semanas.
Da esquerda para a direita: Creusa de Lacerda, Fernando Pereira, Renato Prieto e Garcia Duarte.

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Debates da Supermadrugada Tupi estão cada vez mais quentes...

COMO VOCÊ SABE, TENHO UM PROGRAMA DE SEGUNDA A SÁBADO NA SUPER TUPI, AM 1280;FM 96,5 E NA INTERNET(TUPI.AM OU TUPI.FM)
TODOS OS DIAS DA MEIA-NOITE AS TRÊS DA MANHÃ!
O PROGRAMA É LÍDER DE AUDIÊNCIA E TEM NOS SEUS DEBATES,DAS 2.30 H ATÉ ÁS 3 H, O SEU PONTO FORTE! ASSUNTOS COMPORTAMENTAIS SERÃO DEBATIDOS NESTA SEMANA PELOS AMIGOS:
BALTAZAR SALGADO , ADVOGADO - ÉRIKA FRANZISCA, JORNALISTA - FERNANDO PEREIRA, ADMINISTRADOR DE EMPRESA E LORRAINE MARTINS, JORNALISTA. PARTICIPE DO NOSSO CHAT, ACESSANDO 'TUPI.AM OU TUPI.FM E, DEPOIS, CLICANDO ' SUPERMADRUGADA TUPI" E, APÓS, ' CHAT".
VOCÊ PODE PARTICiPAR TAMBÉM PELO TELEFONE 2516-1280
CARTAS PARA A CAIXA POSTAL 21190 - FERNANDO SÉRGIO - TUPI - RIO DE JANEIRO.

terça-feira, 14 de julho de 2009

Alguns dos debatedores da "Sala de Visitas" da Super Madrugada Tupi, programa que é apresentado por mim, da meia-noite às três da manhã.

FOI UM TALKSHOW MUITO LEGAl NO ' MANOEL & JUAQUIM" DO RECREIO

Aconteceu no "Manoel & juaquim" do shopping Barra World, na Barra, Recreio dos Bandeirantes. Fui convidado pela produção do " Papo de pirmeira na segunda " a ser o apresentador desse Talkshow que teve como atrações Michael Sullivan, Dudu Falcão, Getúlio Côrtes e Paulo Sergio Vale. E ainda teve uma "canja" do Ney Franco, técnico do Botafogo e que tem uma banda e lá estava com parte dela. Tudo começou por volta de 2o.40 h e ficamos juntos num pequeno palco, mas tudo muito organizado.Aliás, esse projeto acontece todas as segundas-feiras. Na próxima, meu amigo Clovis Monteiro lá estará entrevistando o querido Jerry Adriani. Eu, proximamente, estarei entrevistando o Ivan Lins. Foi uma noite muito boa e esses importantes músicos deram um verdadeiro espetáculo.

*************************************************************************************
CURIOSO QUE FOI SÓ EU FALAR QUE NÃO GOSTEI TANTO QUANTO ESPERAVA DO SHOW DO ROBERTO CARLOS (lei crônica abaixo), para uma ouvinte me mandar um e-mail dizendo que eu estava faltando respeito com o RC, sendo maledicente e com inveja dele. Imaginem!
Uma, que eu não sou tão importante assim! E, outra , que eu tenho o direito de achar que poderia ser melhor. Ora, isso não quer dizer que eu não ache o Roberto Carlos o melhor cantor/intérprete que nós temos. Sou fã dele. Claro que sua apresentação, como sempre foi admirável. Não contestei isso. O que critiquei foi a produção do show que o interrompia para os intervalos da TV e, sobretudo, arrumou umas cadeiras de plástico, fazendo uns corredores retangulares no gramado; o que deu uma sensação de vazio, pricnipalmente quando todos os espctadores se mandaram para a frente do palco. O que disse é que, em shows realizados no Maracanã,penso, o melhor mesmo é um palco/passarela no centro do gramado, saindo para os lados, como aconteceu no show do saudoso Frank Sinatra quando no Brasil. Foi o que bastou pra a minha orelha arder...rsrsrs

segunda-feira, 13 de julho de 2009

O SHOW DOS 50 ANOS O ROBERTO CARLOS FOI DEMASIADO ORGANIZADO...

Hoje, na rádio Tupi, fiz um comentário que poderia ser sintetizado com a frase acima.
Trabalhador da madruga, não dava pra ir ver o show no Maracanã, ainda que perto de casa. Vontade não faltou...mas,sim,falta de disposição...$)rsrsrs.No entanto, como quase todo o brasileiro me postei diante da tv para ver o show, uma hora antes dele começar. E tome de chamada da Globo nos chamando de " súditos ". Deus é pai!!!
Nos flashes dava pra perceber que enfeiaram o Maracanã com aquela disposição de cadeiras de plástico, absolutamente enquadradas e divididas em blocos com enorme corredores, montadas em cima de um tablado que deve ter danificado bem o gramado, mas isso é outro assunto.
Começa o show e a Patricia Poeta parece, anunciando o anunciado, ou seja, que o
" Rei" estava chegando com o seu calhambeque azul.
Não sei quem bolou o"inédito acontecimento", afinal, lembro de um show no Canecão, produzido por Miéle & Bôscoli ( Que saudade dessa dupla!) no qual Roberto já exibia um calhambeque.
O Rei entrou, parou o carrinho no palco e dele saiu com pouco impacto e, ao contrário do esperado, em vez de começar com músicas animadas, que pudessem esquentar os seus " suditos", atacou de lentinhas românticas enquanto as câmeras passeavam, mostrando gente andando de um lado para o outro e cruzando nos corredores enquanto minha mulher bocejava no sofá. É...já não se faz súdito como antigamente...
Entre os inevitáveis gritinhos de " Lindo, bonito e gostosão", RC jurou que ama a todos nós,kkk.
O curioso é que como havia previsão de chuva e não tinha chovido, um repórter da Globo acabou afirmando que " RC tinha um pacto com os anjos " ou coisa parecida.
Pagou mico: Do meio para o final do show caiu o maior toró e ainda bem que a produção deu capa até para o prefeito que, sorriso largo, dançava alegremente!
Ah! Esses políticos! Quanta disposição! Uau!
De repente, o público percebeu que no gramado, é muito melhor " juntos e misturados" .Todos se mandaram pra frente e ficou aquele vazio no gramado.Foi inevitável comparar esse show com o do Frank Sinatra no mesmo Maracanã, anos antes: E não é que deu Sinatra?!!!